segunda-feira, 19 de junho de 2017

Braquiossauro

Nome: Braquiossauro (Lagarto com braços)
Nome Científico: Brachiosaurus altithorax
Época: Jurássico
Local: América do Norte

 Os primeiros fósseis de braquiossauro foram encontrados no Colorado, EUA, em 1900. De lá para cá, esqueletos desses saurópodes foram descobertos em diversos locais da América do Norte. Fósseis semelhantes foram encontrados na Argélia e na Tunísia, na África, mas logo foi constatado que esses fósseis pertenciam a um parente do braquiossauro, o Giraffatitan brancai
 Seu nome significa "lagarto com braços" porque suas patas dianteiras eram mais compridas que as traseiras. Por muito tempo, houve um mito que o braquiossauro podia ficar em pé nas patas traseiras para alcançar a copa das árvores mais altas. Hoje sabemos que isso não seria necessário, pois seu pescoço era comprido o suficiente para alcançar o topo das árvores.

 O braquiossauro é um dos mais famosos saurópodes do mundo. Ele habitou a América do Norte há 144 milhões de anos atrás, no período jurássico. Esse gigantesco animal chegava a 15 metros de altura e 25 metros de comprimento, podendo pesar até 20 toneladas. Para manter um corpo desse tamanho, é provável que o braquiossauro tivesse que passar maior parte do seu tempo comendo e, em um único dia, poderia comer até 2 toneladas de plantas!
 O braquiossauro andava por florestas de coníferas em pequenos grupos, para maior proteção, apesar de que dificilmente um braquiossauro adulto tivesse predadores. Devido a quantidade de alimento que tinham que comer, um grupo de braquiossauro deveria estar sempre em movimento para outras regiões, porque em um dia poderiam acabar com um pedaço de uma floresta.

 Pesquisas recentes mostram que a famosa imagem do braquiossauro com o pescoço ereto está errada. O pescoço desse animal ficava em uma posição inclinada em 45º graus, só assim seu coração seria capaz de bombear sangue até a sua pequena cabeça. 
 Outro mito relacionado ao braquiossauro é o porquê de suas narinas ficarem no topo da cabeça. Antigamente, acreditava-se que o braquiossauro podia ficar submerso debaixo d'água se alimentando de plantas aquáticas, mas isso não seria verdade, porque a pressão da água iria esmagar suas costelas e impedi-lo de respirar. Hoje sabemos que as narinas no topo da cabeça permitiam ao braquiossauro comer e respirar ao mesmo tempo.


Na Cultura Popular:

  • O braquiossauro é um dos dinossauros mais famosos da cultura popular. Esse animal está presente nos filmes Jurassic Park e Jurassic Park III. No cinema ele ainda aparece em Dinossauro da Disney, Era do Gelo 3 e na saga Em Busca do Vale Encantado, além de outros filmes e animações.
  • Nos vídeo-games, o braquiossauro marca presença em Jurassic Park: Operation Genesis, Jurassic: The Hunted, LEGO: Jurassic World, Dino Storm, TrespasserTurok e Turok: Evolution.
  • Na TV, o braquiossauro apareceu no episódio Era dos Titãs do documentário Caminhando Entre Dinossauros da BBC.

Galeria

 Clique nas imagens para ampliar.


O braquiossauro andava em pequenos grupos e estavam sempre em movimento,
pois sua fome era tamanha que, em apenas um único dia, poderiam acabar com
pedaços de uma floresta.



















Por muito tempo, acreditava-se que o pescoço do braquiossauro ficava ereto. Isso
se mostrou falso, porque a única forma de seu coração bombear sangue até a cabeça
seria se seu pescoço ficasse em um ângulo de 45º graus.






















O nome braquiossauro significa "lagarto com braços", porque suas patas dianteiras
eram mais compridas que as traseiras. Mas, diferente do que vemos na ficção, ele
não seria capaz de ficar em pé nas patas traseiras.






















Fontes:
Documentário Walking With Dinosaurs, BBC.
Revista Dinossauros! Descubra os Gigantes do Mundo Pré-Histórico volume 4, Editora Globo.
Revista O Grande Livro dos Porquês nº 9 - Dinossauros, Editora Gênios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário