segunda-feira, 13 de julho de 2015

Macrauchenia

Nome: Macrauchenia ( Grande Lhama )
Nome Científico: Macrauchenia Patachonica
Época: Pleistoceno
Local: América do Sul

 Suas primeiras ossadas foram descobertas por Charles Darwin quando este passou pela Patagônia Argentina durante a sua histórica viagem ao redor do mundo no seu navio HMS Beagle. Outros fósseis foram encontrados também no Paraguai, Chile, Bolívia, Uruguai e até mesmo no Brasil.


Fóssil de Macrauchenia Patachonica ( Ao fundo ).

 O macrauchenia era um animal herbívoro de aproximadamente 2,6 metros de altura e 200 kg, tamanho semelhante ao dos atuais camelos. Ele vivia em grandes grupos, se alimentando em campos e matas abertas sul-americanas. É um ancestral dos camelídeos, grupo que, hoje em dia, é formado pelos camelos, dromedários, lhamas e alpacas.
 Porém, diferente de seus descendentes, o macrauchenia tinha uma pequena tromba, semelhante a dos elefantes e das antas. Essa tromba funcionava como um braço, pegando a vegetação mais alta e levando ela até a boca. Também é possível que, ao entrarem na água, o animal utilizasse essa tromba como um snorkel para respirar. Também é possível que o animal fosse coberto por uma espécie de lã, para mantê-lo aquecido no frio.


Galeria ( Clique nas imagens para ampliar )


















Fontes:
1. Documentário Walking With the Beasts; BBC.
2. Atlas Virtual da Pré-História.
3. Wikipédia..

Nenhum comentário:

Postar um comentário