quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Antigo crocodilo brasileiro tinha mordida mais poderosa que a de um T-rex!


 O Purussaurus Brasiliensis foi um gigantesco crocodilo que habitou a região do Acre durante o Mioceno. Ele é um velho conhecido dos paleontólogos brasileiros, mas só agora os cientistas fizeram a análise detalhada do animal, comparando-o com outros crocodilos atuais e outros animais extintos. 

 De acordo com Aline Ghilardi da UFRJ ( Universidade Federal do Rio de Janeiro ), e Tito Aureliano da UFPE ( Universidade Federal de Pernambuco ), casados e sendo os autores do estudo, o animal chegava até 12,5 metros de comprimento ( um pouco maior que um ônibus ) e pesava 8,5 toneladas. Também foi descoberto que sua mordida exercia o peso de 69.032 newtons - quase 7 toneladas - sendo mais forte que a do Tyrannosaurus Rex, que tinha "apenas" 57.000 newtons. Sua mordida também era 10 vezes mais forte que a de um leão ( 4.500 N ) e 20 vezes mais forte que de um tubarão branco ( 3.100 N ).

 O animal vivia em rios, onde hoje é o estado do Acre, caçando animais de grande porte, como tartarugas e mamíferos gigantes. Graças ao seu tamanho ele era obrigado a comer 40 kg de carne por dia.




Nenhum comentário:

Postar um comentário